Aumentar tamanho das letras Diminuir tamanho das letras Versão para impressão Voltar Página inicial

 Notícias

22/12/2017

X Contraec: Unidade, resistência e luta contra as reformas do Governo Temer e a privatização da água disfarçada de PPP

A décima edição do Congresso dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente do Ceará (Contraec), realizada nos dias 14, 15 e 16/12, reforçou a luta já encampada pelo Sindiagua e a categoria contra a privatização da água disfarçada de PPP e contra os retrocessos praticados pelo Governo Temer. O Fórum máximo de deliberação dos trabalhadores da entidade reuniu mais de 100 delegados (natos e eleitos) durante três dias intensos de palestras, debates e deliberações.
O evento, que teve como tema central “Água é direito de todos e não lucro de poucos”, contou também com a presença de lideranças políticas e sindicais (CTB, Seaconce, Sindicam, Fenatema, SSB/PSB entre outros) e de acadêmicos que manifestaram apoio à luta da categoria contra a ameaça de privatização/PPP.
No último dia do evento, realizado no hotel colônia de Férias do Sindicato Intermunicipal dos Trabalhadores no Comércio Hoteleiro no Estado do Ceará, foi definido o plano de lutas da entidade para os próximos três anos, além de alterações estatutárias. Apoiar as mobilizações populares e sindicais contra os ataques do Governo Temer (PMDB) à classe trabalhadora; desenvolver uma ampla campanha midiática contra a privatização da água disfarçada de PPP; ajudar a eleger em 2018 representantes identificados com as bandeiras dos trabalhadores, e pressionar parlamentares em suas bases para combater as reformas trabalhista, previdenciária e as privatizações foram algumas das ações aprovadas pelos delegados congressistas para o plano de lutas do Sindiagua. Também foi aprovada uma moção de repúdio contra a tentativa do Governo Camilo Santana e do Governo Temer de implantar uma PPP do saneamento no Ceará.
A avaliação dos três dias de evento foi bastante positiva. “Parabenizo a direção do Sindiagua pelo Congresso e pelas discussões importantes feitas com a categoria”, ressaltou Alberto Mora, empregado da CAERN e representante da FENATEMA, que participou do evento como convidado.  “Saímos do Contraec renovados, bem informados e esperançosos para ir à luta”, destacou Vardernilton Maciel, delegado do SAAE de Morada Nova. “Foi um congresso produtivo, aprendi bastante como novata. O fato de termos (nesses três dias) unido forças e discutido propostas contra a privatização com certeza vai resultar em algo a nosso favor”, prevê Emanuely Mecena, delegada da Cagece Aldeota.
 “Foi um congresso marcante e acredito que os delegados saíram sensibilizados e imbuídos de serem multiplicadores das discussões feitas aqui para reforçar as lutas que serão travadas nos próximos anos”, avalia Jadson Sarto, presidente do Sindiagua.
Confira neste jornal um resumo das discussões do X Contraec.

Lideranças políticas e sindicais manifestam apoio à luta contra privatização da água disfarçada de PPP
A solenidade de abertura do X Contraec, no dia 14/12, contou com a presença de lideranças políticas e sindicais que saudaram os congressistas e manifestaram apoio à luta do Sindiagua e da categoria contra a privatização/PPP do setor de saneamento. Os deputados federais Chico Lopes (PCdo B) e Odorico Monteiro (PSB) colocaram seus mandatos à disposição do Sindicato e dos trabalhadores presentes no Congresso, se posicionando contra a privatização da água disfarçada de PPP.
Ambos parlamentares lembraram que o golpe e os retrocessos impostos pelo Governo - como o congelamento dos gastos, as reformas trabalhista e previdenciária e a volta das privatizações – representam perdas de direitos históricos da população. Odorico Monteiro ressaltou que somente com a entrega do petróleo, em 40 anos as petroleiras vão levar um trilhão de reais.  “Somos da base do governo do Estado, mas temos que cobrar isso do governador Camilo. A não privatização da Cagece tem total apoio nosso”, destacou.
O vice-presidente nacional da CTB, Claudemir Nonato, reforçou a necessidade de se criar uma rede de comunicação entre os sindicatos para fortalecer a unidade e pressionar os políticos congressistas. “A experiência do golpe mostra que devemos mobilizar parlamentares que defendam nossos diretos”, lembrou.
Jadson Sarto, que presidiu os trabalhos do congresso após votação dos delegados no primeiro dia, ressaltou o apoio das lideranças políticas e a unidade da categoria para reverter a tentativa de privatização da água disfarçada de PPP. “Querem enganar a população dizendo que PPP não é privatização. Mas em Pernambuco foi feito um projeto similar ao que pretendem implantar aqui e a única meta do contrato da PPP cumprida foi o aumento de tarifas. PPP é também uma privatização e temos que esclarecer a sociedade”, reforçou.
 

Aumentar tamanho das letras Diminuir tamanho das letras Versão para impressão Página inicial Voltar


Sindiagua - Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente do Ceará
Rua Solón Pinheiro, 745, Centro • Fortaleza/CE • CEP 60.050-040  |  Fone: (85) 3254-4097
www.igenio.com.br